CARACTERIZAÇÃO E ANÁLISE DO PROGRAMA AGENTES LOCAIS DE INOVAÇÃO

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Elói Martins Senhoras

Resumo

O Programa Agentes Locais de Inovação trata-se de uma pioneira iniciativa extensionista fundamentada pela parceria operacionalizada pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) e financiada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Estruturada pelo método histórico-teórico-dedutivo, a presente pesquisa possui uma natureza exploratória e descritiva quanto aos fins e quali-quantitativa quanto aos meios, utilizando-se de revisão integrativa, bibliográfica e documental no levantamento de dados, bem como de análise gráfica e hermenêutica administrativa na análise de dados. Conclui-se com base nos resultados apresentados que a evolução institucional do Programa Agentes Locais de Inovação é positiva em termos nacionais, a despeito da pendularidade na alocação de recursos e das lacunas existentes na literatura neste emergente campo de estudos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
SENHORAS, E. M. . . CARACTERIZAÇÃO E ANÁLISE DO PROGRAMA AGENTES LOCAIS DE INOVAÇÃO. Boletim de Conjuntura (BOCA), Boa Vista, v. 7, n. 19, p. 111–122, 2021. DOI: 10.5281/zenodo.5137273. Disponível em: https://revista.ioles.com.br/boca/index.php/revista/article/view/430. Acesso em: 8 ago. 2022.
Seção
Ensaios

Referências

CAMPOS, B. P. “Formação participante de profissionais do desenvolvimento humano”. Revista de Psicologia e de Ciências da Educação, n. 1, 1986.

CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. “ALI – Agentes Locais de Inovação”. Portal Eletrônico do CNPq [07/11/2014]. Disponível em: <https://www.gov.br/cnpq>. Acesso em: 15/06/2021.

ETEC – Escola Técnica Estadual Dr. Júlio Cardoso. Projeto Político Pedagógico. Franca: ETEC, 1998.

GUSTON, D. H. “Principal-agent theory and the structure of science policy”. Science and Public Policy; vol. 23, n. 4, 1996.

MITNICK, B. M. “Fiduciary rationality and public policy: The theory of agency and some consequences”. Proceedings of the Annual Meeting of the American Political Science Association. New Orleans: APSA, 1973

ROSS, S. A. “The economic theory of agency: The principal's problem”. American Economic Review, vol. 63, n. 2, 1973.

SANTANA, H. S. Análise do uso de indicadores de inovação nos programas e projetos do Sistema Sebrae (Dissertação de Mestrado em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para Inovação). Brasília: UnB, 2020.

SAWHNEY, M.; WOLCOTT, R. C.; ARRONIZ, I. “The 12 different ways for companies to innovate”. MIT Sloan Management Review, vol. 47, n. 3, 2006.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Manual do Programa ALI. Brasília: SEBRAE, 2015

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Manual do Projeto ALI. Brasília: SEBRAE, 2018a.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Manual operacional para o orientador do projeto ALI. Brasília: SEBRAE, 2019.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Guia ALI: Metodologia de Gestão da Inovação do Projeto ALI, vol. 1. Brasília: SEBRAE, 2018b.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Guia ALI: Ferramentas, vol. 2. Brasília: SEBRAE, 2018c.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Guia para a inovação: instrumento de orientação de ações para melhoria das dimensões da inovação. Curitiba: SEBRAE/PR, 2010.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. “Programa ALI ajuda a implantar práticas inovadoras gratuitamente no seu negócio”. Portal Eletrônico do SEBRAE [2014]. Disponível em: <https://www.sebrae.com.br>. Acesso em: 15/06/2021.

SENHORAS, E. M. “Cultura da inovação e desenvolvimento de competências entre os Agentes Locais de Inovação em Boa Vista (RR)”. Boletim de Conjuntura (BOCA), vol. 5, n. 13, 2021a.

SENHORAS, E. M. Mapeamento de publicações sobre o Programa Agentes Locais de Inovação: indicadores bibliométricos do Google Scholar (2008-2021). Boa Vista: UFRR, 2021b.

SENHORAS, E. M. “Política duplo-ganhadora no mercado de capitais brasileiro: uma contribuição ao estudo da estratégia de governança corporativa via novo mercado e conselho de administração independente”. Formação Econômica, n. 11, 2007.

SENHORAS, E. M.; TAKEUCHI, K. P; TAKEUCHI, K. P. “A Importância Estratégica da Governança Corporativa no Mercado de Capitais: Um Estudo Internacional Comparado”. Anais do III Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia. Resende: SEGET/AEDB, 2006.

SENHORAS, E. M.; TAKEUCHI, K. P; TAKEUCHI, K. P. “Gestão da Inovação no Desenvolvimento de Novos Produtos”. Anais do III Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia. Resende: SEGET/AEDB, 2007.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>