TROTSKY, A PANDEMIA E O CAPITALISMO EM CRISE

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Michel Goulart da Silva

Resumo

Procura-se neste ensaio apresentar uma análise da atual conjuntura política e social a partir das contribuições teóricas expostas por Leon Trotsky no Programa de transição (1938).

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
SILVA, M. G. da . TROTSKY, A PANDEMIA E O CAPITALISMO EM CRISE. Boletim de Conjuntura (BOCA), Boa Vista, v. 4, n. 10, p. 01–04, 2020. DOI: 10.5281/zenodo.4015737. Disponível em: https://revista.ioles.com.br/boca/index.php/revista/article/view/54. Acesso em: 6 jul. 2022.
Seção
Ensaios

Referências

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. Manifesto comunista. São Paulo: Editora Boitempo, 2005.

SILVA, Michel Goulart da. “A permanência de Trotsky”. Revista Urutágua, n. 8, 2005.

SILVA, Michel Goulart da. “A revolução permanente: Trotsky e a luta anti-imperialista no século XXI”. Pacha, n. 2, 2020

TROTSKY, Leon. Aonde vai a França. São Paulo: Editora Desafio, 1994.

TROTSKY, Leon. Programa de transição. São Paulo: Editora Iskra, 2008.