CAPITALISMO, DIVISÃO DO TRABALHO E EDUCAÇÃO EM DURKHEIM

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Michel Goulart da Silva

Resumo

Discute-se neste ensaio o conceito de divisão do trabalho em Emile Durkheim e como esse se desdobra em uma concepção elitista de educação. Partindo de bibliografia acerca do tema, procura-se construir uma breve crítica ao conjunto de ideias de Durkheim a partir de elementos da teoria marxista.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
SILVA, M. G. da . CAPITALISMO, DIVISÃO DO TRABALHO E EDUCAÇÃO EM DURKHEIM. Boletim de Conjuntura (BOCA), Boa Vista, v. 7, n. 20, p. 23–28, 2021. DOI: 10.5281/zenodo.5084271. Disponível em: https://revista.ioles.com.br/boca/index.php/revista/article/view/408. Acesso em: 25 out. 2021.
Seção
Ensaios

Referências

DURKHEIM, Émile. Da divisão do trabalho social. São Paulo: Editora Martins Fontes, 1995.

DURKHEIM, Émile. Educação e Sociologia. São Paulo: Editora Melhoramentos, 1978.

LOWY, Michael. As aventuras de Karl Marx contra o Barão de Munchhausen: marxismo e positivismo na sociologia do conhecimento. São Paulo: Cortez, 1994.

MANACORDA, Mario Alighiero. Marx e a pedagogia moderna. São Paulo: Cortez / Autores Associados, 1991.

SILVA, Michel Goulart (org.). Marxismo e natureza: ecologia, história e política. Pará de Minas: Virtualbooks, 2010.