CULTURA ORGANIZACIONAL: CONCEITOS E TIPOLOGIAS

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Giovana Cárceres da Costa
Luciana Mara Gonçalves Araújo
Max André Araújo Ferreira

Resumo

Este estudo propõe-se a apresentar os conceitos de Cultura Organizacional e suas tipologias. Pode-se dizer que a cultura de uma entidade reflete na sua identidade, sendo essa a base para gestão e performance dos profissionais envolvidos, contudo, as organizações são tão variadas quanto as pessoas, visto que pessoas possuem personalidades, e organizações não são diferentes. No ensaio são discutidos alguns conceitos de cultura organizacional e suas tipologias.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
CÁRCERES DA COSTA, G. .; GONÇALVES ARAÚJO, L. M.; ARAÚJO FERREIRA, M. A. CULTURA ORGANIZACIONAL: CONCEITOS E TIPOLOGIAS. Boletim de Conjuntura (BOCA), Boa Vista, v. 6, n. 16, p. 20–27, 2021. DOI: 10.5281/zenodo.4643033. Disponível em: https://revista.ioles.com.br/boca/index.php/revista/article/view/299. Acesso em: 7 jul. 2022.
Seção
Ensaios

Referências

BASS, B; AVOILO, B. “Transformational leadership and organizational culture”. Public Administration Quarterly, vol. 17, n. 1, 1993.

CAVEDON, N. R. Antropologia para administradores. Porto Alegre: UFRGS. 2003.

CHIAVENATO, I. Gestão de Pessoas: O novo papel dos recursos humanos nas organizações. Rio de Janeiro: Campus, 1999.

CROZATTI, J. “Modelo de gestão e cultura organizacional: conceitos e interações”. Caderno de Estudos, vol. 10, n. 18, 1998.

DAFT, R. L. Teoria e projeto das organizações. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, 1999.

DRUCKER, P. Administrando para o Futuro. São Paulo: Pioneira, 1993

FREITAS, A. B. Traços brasileiros para uma análise organizacional. São Paulo: EAESP-FGV, 1996.

FREITAS, M. E. Cultura organizacional: formação, tipologia e impacto. São Paulo: Makron McGraw-Hill, 1991.

HANDY, C. Como compreender uma organização. Rio de Janeiro: Zahar, 1976.

MORGAN, G. Imagens da organização. São Paulo: Atlas, 1996.

NEWSTROM, J. W. Comportamento Organizacional: o comportamento humano no trabalho. São Paulo: McGraw-Hill, 2008.

PAIM, R; CARDOSO, V; CAULLIRAUX, H; CLEMENTE, R. Gestão de processos: pensar, agir e aprender. Porto Alegre: Bookman, 2009.

SCHEIN, E. H. “Coming to a New Awereness of Organizational Culture”. Sloan Management Review, vol 25, n. 2, 1984.

SENHORAS, E. M. “Culture in hospital organizations and cultural policies for coordinating communication and learning”. RECIIS, vol. 1, n. 1, 2007.

SETHIA, N.; VON GLINOW, M. “Arriving at four cultures by managing the reward system”. In: KILMANN, R. et al. (eds.). Gaining control of the corporate culture. San Francisco: Jossey-Bass, 1985.

WOOD JR., T. “Identidade organizacional”. Revista de Administração de Empresas, vol. 37, n. 1, 1997.