PANDEMIA E CONFINAMENTO: O TRABALHO CONECTADO EM TEMPO INTEGRAL

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Aparecido Francisco dos Reis

Resumo

O tema subjacente a este artigo é a reorganização do trabalho em tempos de pandemia. O texto parte da apresentação do contexto da pandemia de Covid-19, traça uma discussão sobre os modelos de confinamento adotados tradicionalmente no ocidente e a ideia de corpo útil e produtivo do trabalhador. Em seguida, tendo em consideração dados coletados a partir de fontes secundárias e relatos de trabalhadores, discute-se as configurações do trabalho adotados por muitas empresas e trabalhadores a fim de manter a economia em funcionamento. Os resultados apontam para uma prática em que o tempo de trabalho se torna alongado e contínuo, sobretudo em razão de uma propaganda dos benefícios do trabalho remoto ou home office, como tem sido conhecido.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
FRANCISCO DOS REIS, A. PANDEMIA E CONFINAMENTO: O TRABALHO CONECTADO EM TEMPO INTEGRAL. Boletim de Conjuntura (BOCA), Boa Vista, v. 5, n. 15, p. 67–80, 2021. DOI: 10.5281/zenodo.4569208. Disponível em: https://revista.ioles.com.br/boca/index.php/revista/article/view/234. Acesso em: 17 ago. 2022.
Seção
Artigos

Referências

BURAWOY, M. Manufacturing consent. Chicago: The University of Chicago Press, 1979.

CAVALLETTI, A. Mitología de La Seguridad: La Ciudad Biopolítica. Buenos Aires: Adriana Hidalgo, 2010.

FOUCAULT, M. História da Sexualidade I: A vontade de saber. Rio de Janeiro: Editora Graal, 2012.

FOUCAULT, M. Os anormais: Curso no Collège de France (1974-75). São Paulo: Martins Fontes, 2014.

FOUCAULT, M. Vigiar e Punir. Petrópolis: Editora Vozes, 2002.

HARVEY, D. A produção capitalista do espaço. São Paulo: Annablume, 2005.

MARX, K. O capital. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1981.

SENHORAS, E. M. “COVID-19 e os padrões das relações nacionais e internacionais”. Boletim de Conjuntura (BOCA), vol. 3, n. 7, 2020.

TASCHETO, M.; FROEHLICH, C. “Teletrabalho sob a perspectiva dos profissionais de recursos humanos do Vale do Sinos e Paranhana no Rio Grande do Sul”. Revista de Carreiras e Pessoas, vol. 9, n. 3, 2019.